Apresentação


A pouco mais de uma hora da capital encontra-se o município de Torres Vedras, o mais extenso do distrito de Lisboa. É um dos concelhos com maior tradição vinícola do país. Aqui se produzem tintos, brancos e rosés sob denominação DOC (de origem).

Geograficamente a região está limitada a Oeste pelo Atlântico, facto que lhe confere características própria. A Região do Oeste (como também é conhecida) é portanto uma zona onde predominam as correntes de Oeste e consequentemente a activada moleira teve também grande tradição por aqui.

Esta pequena rota com cerca de 100km permitará a quem a percorar desfilar por este magnífico cenário de vinhas e moínhos. Nela também se inclui algumas passagens por antigos apeadeiros da linha do Oeste (em operação desde 1887) e alguns pontos de interesse mais a Sul na região Saloia (ou de Mafra).

Trata-se de um percurso todo feito por estradas nacionais de interesse cénico. Recomenda-se que seja feito a ritmo brando o que com paragens rápidas para fotos nos pontos assinalados deverá ocupar um total de 4 horas, ideal para fazer durante a tarde ou pela manhã cedinho.